quarta-feira, 16 de novembro de 2016

O Cancro que ameaça os outros!

Dizia alguém, que quando o Cancro chega, é como se a tua casa fosse invadida por terroristas!
É a metáfora com que mais me identifico...
Ficou tudo em estado de sítio desde "aquele dia"!
Eu não sou a mesma!
O meu corpo também não.
Passado ano e meio vivo agora com dores maxilares, esofagite e linfedema (ligeiro, mas doí, como nunca pensei!) As minhas maiores dores são as psicológicas, confesso.
Conceitos como o "tempo", o "próximo verão", "o próximo aniversário" dão-me por vezes uma vontade de gritar até tudo a meu redor desaparecer.
Há dias que me sinto fantástica, mas outros a ansiedade leva a melhor sobre mim.
E esses dias são exactamente aqueles em que as minhas dores aumentam. Os dias em que não tenho 38 anos, mas muito mais que 83...
O choque vem, quando olho para além de mim!
Sim, apesar do que nos parece, o nosso Cancro "é da malta", e o nosso medo e ansiedade, afinal... não é assim tanto nosso!
Quando o meu marido de 39 anos, que até é um Homem ponderado, calmo, e completamente avesso a conversas de morte. Confiante que o Triplo Negativo simboliza apenas um "azar do caneco" e que jamais nada disto voltará... porque não é "justo", porque "não merecemos", "que um raio não cai duas vezes no mesmo lugar" ou outras justificações amorosamente fundamentadas como "vais ver" ou "confia em mim"...
Quando o tempo avança e nós no topo dos nossos 30 anos, devíamos estar a gozar a vida, a namorar, a viajar, a ganhar dinheiro, (eu) a trabalhar imenso. A curtirmos os nossos filhos pequenos!
E... afinal... as coisas não são bem assim!
As contas são algumas, as baixas acumulam-se... o local de trabalho "fugiu" para Kms, e Kms de distância, para onde o meu braço, não sei se me poderá conduzir no "final deste capitulo"... Tanta, tanta coisa paira na minha mente!

Sempre paira a sombra, mesmo nos dias dos sorrisos!
A sombra do luto de um direito adquirido que nunca foi, ou é de ninguém, desde o inicio!
O direito a uma vida longa!!!
O que faz um Bom Pai de Família e deveras responsável em resposta a tanto caos?
Um seguro de vida chorudo! - Não vá a Morte tecê-las!

Hoje já vou dormir muito mais descansada!!! ;)


                                Imagem: Gutbilder.com